BLOG MONTELONGO
Olhares para Fafe
03
Fev 16

Opinião de João Carlos Lopes, editor de desporto do jornal Notícias de Fafe:

 

Há uma equipa fafense a lutar com dignidade para se manter no Campeonato de Portugal Prio e onde está a ser feito um trabalho de grande qualidade, não obstante a classificação da primeira fase do campeonato , em nada condizente com as exibições e trabalho desenvolvido. O Arões SC, que também tem um trabalho notável na formação, tem surpeendido pela positiva na sua primeira temporada num campeonato nacional. Tirando os jogos iniciais de adaptação a um novo ritmo, o treinador Luís Miguel Barros, aos poucos, foi ganhando o respeito dos adversários e roubou pontos a equipas que no final desta fase ficaram a lamentar essa perda.

A equipa da Vila de Arões S. Romão tem uma missão mais difícil porque vai lutar para não descer mas já mostrou qualidade e seriedade para merecer ficar nesta divisão. Não fossem algumas lesões, aliadas a situações em que, erradamente, foram beneficiados os mais fortes e o Arões estaria agora um pouco mais tranquilo, com outra margem de manobra. Não está, mas vai lutar pela permanência com as armas que tem contra outros poderes e estatutos, mas com a raça e humildade que tem caracterizado esta equipa.

Pela primeira vez o futebol fafense tem duas equipas seniores e uma júnior ao mesmo tempo nos campeonatos nacionais e sejam quais forem os defechos nada apagará esta boa fase porque o que foi conquistado já é digno de registo.

Arões, futebol

 

publicado por blogmontelongo às 18:00
20
Mai 15

Opinião de Cristina Sousa (IPF) no jornal Notícias de Fafe:

 

Refiro-me à mancha cada vez menor de carvalho selvagem, em tempos, dizia-se, a maior da Europa, hoje consumida pelos incêndios florestais de origem mais ou menos duvidosa a que não mais se põe fim e desbastada por abates à margem da lei, mas sempre impunes. Espécie protegida? - pergunto.

Mas, sobretudo, do nosso património construído, sistematicamente destruído sem qualquer pudor nem remorsos (visíveis), que vai desaparecendo paulatinamente perante a indiferença dos homens e das autoridades. Inúmeros casos de destruição e de desmazelo poderiam ser apontados.

Mas quero hoje referir-me especialmente ao "Castro de Santo Ovídio", importante centro arqueológico do nosso passado histórico, em tempos objecto de importantes estudos, designadamente pelo Núcleo de Arqueologia da Universidade do Minho. Aí foram realizadas importantes escavações e foi retirado importante espólio, hoje a bom recato e à vista de público no Museu da Sociedade Martins Sarmento, na vizinha cidade de Guimarães.

Mas há um bom par de anos em quase completo abandono, sem qualquer protecção, aberto a todo e qualquer acto de vandalismo puro e gratuito. E enquadra-se nesta classificação o completo desrespeito, perante a indiferença quase geral, pela envolvente que integra a área classificada em vias, se nada for feito, de ser ilegal e drasticamente diminuída.

Não fora a acção possível, honra lhe seja feita, da Associação ARCO de Santo Ovídio e a situação seria muito pior.

Porque não lançar mãos à obra, proteger, melhorar e depois aproveitar e rentabilizar o nosso património natural e construído?

SO.jpg

 

publicado por blogmontelongo às 18:00
pesquisar neste blog
 
Contacto
blogmontelongo@sapo.pt
comentários recentes
morar num prédio é lixo!!! leva-se com todos os ba...
e na Trofa, também!
Obrigada "h" pela atenção. Já se corrigiu o erro.
Seria importante que as escolas não encerrassem an...
http://www.scoop.it/t/explore-minho/p/4024462499/2...
Da me a ideia que o senhor anda fugido de fafe. Ma...
Realmente a ligação à ruralidade tem vindo a perde...
Certíssimo caro Luís. Não há nenhuma relação com n...
Daquilo que me apercebi é que este novo blog "roub...
Bom dia AlbertoA minha ideia e manter o blog plura...
Mensagens
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Farmácia de Serivço

blogs SAPO