BLOG MONTELONGO
Olhares para Fafe
07
Jul 18

Opinião de António José Silva, Secretário da Junta de Freguesia de Fafe, publicada no jornal Expresso de Fafe:

 

A nossa querida cidade vive, à data, momentos de celebração nos seus Bairros, nas suas Associações, no seu Concelho – Senhora de Antime — e é fundamental que estas tradições nunca se percam e esvaziem no futuro, cabendo a todos incutir aos mais jovens a importância destas datas, demonstrando e ensinando o quão bonito que é ser Fafense. No passado fim-de-semana realizou-se o São João na Fábrica do Ferro, cujo tema das marchas foi precisamente “A Justiça de Fafe” e os meus sinceros parabéns aos Leões pela dinâmica com que continuam a celebrar esta festa, a todos os que associaram a ela, principalmente aos que participaram na marcha, momento alto e que foi embelezado pelo nosso símbolo maior – A Justiça, onde também não faltou o hino de Fafe que em tom bem afinado foi entoado pela maior rua da Cidade – Rua José Ribeiro Vieira de Castro. Leões do Ferro: parabéns!

Segue-se a celebração do São Pedro na Granja, onde também tradição, espírito bairrista e alegria certamente não irão faltar, naquela que tem sido uma festa muito apreciada pelos fafenses, na boa gastronomia, pela bonita cascata que todos os anos é concretizada, pela procissão e festa que é festa, não pode faltar, a música. A todos os fafenses: passem na Granja e verão que não se irão arrepender. E permitam-me que faça aqui uma referência a estes dois Bairros, onde em tempos jogavam o Futebol Clube da Fafe – Granja, o Sporting Clube de Fafe – Fábrica do Ferro e que deram origem à nossa emblemática Associação Desportiva de Fafe em 1958, que este ano comemora os seus sessenta anos de vida, onde também as celebrações não irão falhar neste momento histórico da vida do clube e dos seus associados. Esta bonita união, que no passado originou esta fusão, terá de ser o exemplo que devemos seguir no futuro. Rivalidades locais não são chamadas para esta terra. Aqui não! Parabéns A.D. Fafe!

Para terminar, no segundo domingo de julho – dia 8 de julho, temos a Senhora de Antime, a festa de Fafe, com a nossa grande e bonita procissão, com outras atividades para os mais jovens – Arcada, mas para todos também, de todas as idades, com muita tradição, onde não faltará, no domingo, o cabrito assado nas mesas fafenses, acompanhado por um bom vinho verde, a marcha na segunda-feira, ou o desfile dos vestidos de chita, que em tempos, marcha e desfile eram organizados pelo Grupo Nun´Álvares, uma coletividade de referência e de gente de muito trabalho – a tradição ainda é o que era e será sempre!

Orgulhosamente Fafense!

bairros tradições fafe

 

publicado por blogmontelongo às 18:00
24
Mai 17

adf.jpg

 

publicado por blogmontelongo às 18:00
12
Abr 17

Opinião de António José Silva publicada no seu Facebook:

 

É importante referir que esta enorme onda, amarela e negra, em torno do Fafe, do futebol e de puro bairrismo não se perca ou dílua. Estamos condenados à descida, é verdade. Não aguentaremos um ano num campeonato inferior, para depois regressar à II Liga? Fui para o jogo de ontem convicto de que se não vencessemos, desceríamos... Só um milagre! Não ganhamos há nove jogos e a equipa não produz o futebol desejado. Nem raça há.

A meu ver o Presidente do nosso Clube e da SAD, de quem sou muito amigo (trabalhei com ele na Comissão de Gestão de 2013 a 2015), vendo nele capacidades para liderar o Clube, mas também na equipa diretiva, na estrutura do Clube e SAD, foi mal aconselhado e tomou decisões erradas e precipitadas que poderão ditar a descida mas, nunca e jamais o fim ou decadência do Fafe.

Um ano em que todos aprendemos, até os adeptos que se tiveram de adaptar aos novos esquemas de segurança e entrada no Estádio. O futebol que temos hoje em dia, vai muito além das quatro linhas, do jogo jogado, até mesmo das arbitragens, algumas mais polémicas que outras e outras limpas. Desde sócios, adeptos, diretores e jogadores, todos sentimos que estamos à altura da II Liga. Até é mau para o futebol que o Fafe não se encontre neste patamar. Somos só, depois do Porto, Benfica, Sporting, Guimarães, Boavista, Braga, Académica, Famalicão e Leixões, o Clube que mais adeptos leva aos Estádios num concelho com 50.000 habitantes, de gente que não desiste de lutar pelo Clube.

Um breve resumo da época, que começou torta com as obras no Estádio, que iniciaram em outubro, quando a subida foi em junho, onde os treinos eram em Pevidém, Taipas, Silvares e muito depois Fafe. Os jogos em casa, em Felgueiras e Amarante e muito depois em Fafe. Muita saturação que ditou a despedida do nosso acarinhado Agostinho, que foi o treinador da subida mas, quanto a mim, mal despedido, sequer lhe foi dada a oportunidade que merecia, depois de tudo que fez pelo Fafe e falar só da subida é muito pouco, porque também sofreu da crise que estava instalada em 2013. Ainda assim e passados 3 anos disso, fizemos o feito de subir. Respeito as opções, não concordando com elas, como é o caso. Aqui entra a parte do futebol profissional, que não entendemos, quem está cá fora. Fomos buscar um treinador desconhecido de todos, sem provas dadas em nenhum lado, entraram jogadores, vindos de muitos lados, alguns sequer a esta data, foram convocados. Em janeiro, tudo mudou, tudo alterou e apesar da desconfiança nestas apostas, porque acima de tudo e de todos há-de estar sempre o Fafe, os adeptos apoiaram e ajudaram sempre muito mais os profissionais do Fafe, do que ao contrário.

Caídos neste lugar mas não rendidos, o mais importante é aprendermos todos com os erros e acreditar num futuro brilhante para este Clube que tanto amamos!

Viva o Fafe ontem, viva o Fafe hoje, viva o amanhã e viva o Fafe sempre!

António José Silva Fafe ADF

publicado por blogmontelongo às 18:00
Temas: , ,
08
Out 16

Opinião de Alberto Alves, IPF, no jornal Notícias de Fafe:

 

Corre por aí muita treta sobre as obras no Parque Municipal de Desportos; fazem-se acusações injustas, levantam-se mentiras e tiram-se conclusões erradas e dispartadas. Já está definido que a Câmara Municipal irá arcar com a responsabilidade da realização das obras. Agora o que é preciso é dar tempo ao tempo para que os trâmites legais sejam cumpridos.

Naturalmente que o que causa preocupação é o facto da A.D. de Fafe jogar em "casa emprestada" e os consequentes prejuízos que isso acarreta. Mas esse será o fardo que terá de ser suportado e suplantado.

Por falar no assunto, há um outro que não tem sido falado e que todos nós, associados, devemos saber e conhecer. Refiro-me à SAD e à existência, ou não, de investidores. Pouco ou nada se tem dito sobre isso e como também correm por aí uns boatos, seria bom que o senhor presidente da direção viesse a público esclarecer o assunto, para que de uma vez por todas se acabem com os contos e ditos.

ADF fafe estádio

 

publicado por blogmontelongo às 18:00
Temas: , , ,
pesquisar neste blog
 
Contacto
blogmontelongo@sapo.pt
comentários recentes
e na Trofa, também!
Obrigada "h" pela atenção. Já se corrigiu o erro.
Seria importante que as escolas não encerrassem an...
http://www.scoop.it/t/explore-minho/p/4024462499/2...
Da me a ideia que o senhor anda fugido de fafe. Ma...
Realmente a ligação à ruralidade tem vindo a perde...
Certíssimo caro Luís. Não há nenhuma relação com n...
Daquilo que me apercebi é que este novo blog "roub...
Bom dia AlbertoA minha ideia e manter o blog plura...
Eu faço parte daqueles, que no Verão passado se in...
Mensagens
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Farmácia de Serivço

blogs SAPO