BLOG MONTELONGO
Olhares para Fafe
22
Ago 15

Opinião de Jorge Barroso, Tesoureiro da Comissão Política PSD-Secção de Fafe, no jornal Notícias de Fafe:

 

Sou sincero, quando há cerca de dois anos se falou de uma coligação para uma solução de governabilidade da Câmara Municipal de Fafe entre o Partido Socialista e o Partido Social Democrata de que sou membro tive uma sensação estranha de incomodidade. Afinal iria haver uma coligação entre os dois grandes adversários políticos desde que foi instituida a democracia em Portugal e passaram a haver eleições para os governos dos concelhos e freguesias. Tínhamos tido eleições de dezembro de 1976 e o Partido Social Democrata ganhou as eleições para a Câmara Municipal de Fafe, em sentido contrário com os resultados eleitorais totais do resto do país em que o Partido Socialista teve maior percentagem de votação. Face a isto não se previa que em 30 anos nas seguintes 10 eleições autárquicas se verificassem 9 maiorias absolutas do Partido Socialista. Durante 34 anos que decorreram entre 1979 e 2013 fomos governados por uma espécie de ditadura democrática, em que basicamente nada que era votado favoravelmente na Câmara Municipal ou na Assembleia Municipal tinha incorporado qualquer ideia, fosse boa ou má,  que viesse das oposições. Em 1997 ocorre o cisma do Partido Socialista e estavam criadas as condições para a já tão apregoada mudança. Não tendo sido possível a mudança nessa altura, houve uma travessia do deserto de 16 anos. Eis-nos chegados a 2013. Depois dos atropelos que foi a escolha dos candidatos à Câmara Municipal por parte do Partido Socialista tivemos as eleições mais disputadas des que há memória e ... venceu o Partido Socialista de novo, pasme-se ou não, sem maioria absoluta, praticamente por única e exclusiva responsabilidade dos responsáveis do Partido Socialista. A presidente da Câmara está agora um homem que não é político de carreira, mas não se confundam os mais distraídos porque tem carreira na política. Com ele, mais do que com o Partido Socialista, com quem nunca foi possível qualquer entendimento naqueles anos todos que aqui foram mencionados, foi possível um entendimento para a governabilidade da Câmara Municipal de Fafe. Posto isto, bem era preciso para enquadrar a questão da dificuldade de entendimento, pode-se perguntar quais os frutos desse entendimento? Para além da questão da governabilidade entendo sublinhar dois assuntos que me parece só foram desbloqueados pelo facto de o Partido Social Democrata fazer parte do governo dos destinos do nosso concelho. Um dos assuntos é imaterial, se assim se pode dizer, que é a aprovação da revisão do Plano Diretor Municipal que se arrastava sem saída à vista, desde que o seu prazo de vigência tinha sido ultrapassado em 2004! O segundo, mais material porque mais visível até dos Paços do Concelho, são as alterações que têm vindo a ser feitas e bem-feitas naquilo que se convencionou chamar sem o ser, "O Parque da Cidade". Ninguém consegue perceber como é que aquele espaço esteve, em estado deplorável, durante cerca de duas dezenas de anos, sim porque a ideia inicial é de 1996! Agora com poucos custos e algumas boas ideias já começa a ser digno do nome e a ser utilizado para o fim a que se destina. Se se fizerem as contas duas situações em que se perderam cerca de 20 anos! Se estes serão os "custos" de o Partido Social Democrata estar coligado com o Partido Socialista (ou parte dele) bem-haja.

publicado por blogmontelongo às 18:00
pesquisar neste blog
 
Contacto
blogmontelongo@sapo.pt
comentários recentes
morar num prédio é lixo!!! leva-se com todos os ba...
e na Trofa, também!
Obrigada "h" pela atenção. Já se corrigiu o erro.
Seria importante que as escolas não encerrassem an...
http://www.scoop.it/t/explore-minho/p/4024462499/2...
Da me a ideia que o senhor anda fugido de fafe. Ma...
Realmente a ligação à ruralidade tem vindo a perde...
Certíssimo caro Luís. Não há nenhuma relação com n...
Daquilo que me apercebi é que este novo blog "roub...
Bom dia AlbertoA minha ideia e manter o blog plura...
Mensagens
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Farmácia de Serivço

blogs SAPO